AVVA Saúde

Uma dúvida comum é em relação a quando se deve procurar um profissional para te ajudar a lidar com suas dificuldades emocionais. Muitos acreditam que o problema precisa ser devastador e ter o poder de paralisar completamente a vida da pessoa antes dela se permitir pedir ajuda. Outros acreditam que a cada pequeno problema precisa-se de um apoio profissional e acabam confiando pouco na sua capacidade de enfrentar os desafios e da própria vida de se reorganizar. Enfim, como saber qual é a melhor hora de pedir ajuda terapêutica, se afinal todo mundo tem problemas e se as dificuldades fazem parte da vida de todas as pessoas? Isso quer dizer que todo mundo precisa fazer terapia? 

Uma boa hora para pedir ajuda profissional é quando:

  1. Suas dificuldades emocionais não parecem estar melhorando com o passar do tempo.
  2. Você não está conseguindo resolver os seus problemas apesar de sentir que está se esforçando muito para lidar melhor com as suas questões.
  3. O apoio emocional de familiares, amigos e colegas de trabalho não está sendo suficiente para te dar o suporte necessário para te ajudar a vencer suas dificuldades. 
  4. Sentimento forte de angústia e tristeza, uma sensação esmagadora e prolongada de desamparo e melancolia.
  5. Grande dificuldade de se concentrar nas tarefas no trabalho ou para realizar outras atividades cotidianas em casa.
  6. Preocupa-se de forma  excessiva, sempre antecipando ou esperando o pior das situações.
  7. Costuma trabalhar  constantemente no seu limite máximo de estresse e apresenta sinais marcados de desgaste físico e emocional.
  8. Uso excessivo de álcool ou drogas para tentar se sentir melhor sobre si mesmo.
  9. Comportamento agressivo recorrente. 
  10. Dificuldade de se compreender e expressar seus pensamentos, emoções e comportamentos de forma controlada e coerente nas suas relações sociais, afetivas e familiares.

Enfim, há Inúmeras razões porque as pessoas costumam buscar terapia e a questão de quando é o melhor momento para procurar ajuda de um

profissional é muito individual, porque depende diretamente do funcionamento de cada pessoa. 

Mas uma pergunta definitiva que você deveria se fazer, se está em dúvidas sobre se este é o momento de procurar um psicólogo, ou não, é até que ponto sua rotina cotidiana está sendo afetada por suas dificuldades emocionais. Se na sua resposta você identificar que sua vida está sendo muito afetada por seus problemas e preocupações, então, seria prudente buscar a ajuda de um psicólogo. 

O principal cuidado neste momento passa então a ser: pesquisar se o psicólogo tem experiência na área em que você precisa de ajuda. 

Empatia e afinidade são elementos extremamente importantes para que você se sinta confortável o suficiente com o seu psicólogo, para poder compartilhar todas as suas dificuldades e formar uma relação produtiva. 

Categorias: Psicoterapia